Obras públicas

PREFEITURA DE HUMBERTO CAMPOS SOLICITA DESLOCAMENTO DE POSTES NA RUA DAS FLORES Publicada em 17/04/2017 17:31:22

Município encaminhou ofícios ao Governo do Estado e à empresa Domus há quase dois meses

Quem vê a cena, inevitavelmente, deve se perguntar: "Mas como? Por quê?" Nós, da Prefeitura de Humberto de Campos, também nos questionamos e ficamos impressionados quando vimos esse problema na execução da obra de pavimentação da Rua das Flores, na nossa cidade.

Esse serviço de calçamento com bloquetes começou no ano passado. Trata-se de uma obra contratada pela Secretaria de Infraestrutura do Estado e executada pela conceituada empresa Domus Engenharia.

Tão logo a nova gestão do município, liderada pelo Prefeito Zé Ribamar Fonsêca, identificou o problema, a Prefeitura enviou ofícios tanto à empresa Domus quanto à Sinfra, para que solicitem à Cemar o deslocamento dos dois postes situados no meio da rua. Os dois ofícios foram encaminhados há mais de 1 mês.

Lembramos que esses postes foram instalados na via há mais de 10 anos. Nessa época, muitas ruas ainda eram todas de areia, típica da região dos Lençóis Maranhenses, o que pode ter influenciado a escolha da concessionária de energia pela instalação nesses pontos, exatamente onde a via recebeu pavimentação.

Estamos ainda à espera de respostas e providências, uma vez que o ir e vir dos humbertuenses está prejudicado e o risco de acidentes na área é iminente.

A assessoria de comunicação da Prefeitura também já contactou a Cemar. Assim que a companhia se posicionar, publicaremos a resposta.

Assessoria de Comunicação -
Prefeitura de Humberto de Campos

NOTA DA CEMAR:

"A Cemar informa que a rede de distribuição de energia elétrica foi construída há anos na Rua das Flores, município de Humberto de Campos, seguindo as normas brasileiras considerando a distância em relação ao meio fio e de acordo com a via existente na época.

Contudo, o Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura realizou a pavimentação sem comunicar previamente a Companhia do serviço de deslocamento da Rede de Distribuição, serviço esse que tem custo.

Por fim, a Cemar informa que já reorientou os órgãos envolvidos para definição de responsabilidades e resolução do problema.

Assessoria de Imprensa da Cemar"

Mais em Obras públicas


Receba nossa Newsletter Deixe seu nome e e-mail